11.1.08

A história do menino das veias sinfônicas

Era realmente um incômodo no começo o fato daquele menino ter nascido com cordas musicais no lugar de veias. Era difícil pra ele controlar os acordes que pulsavam de seu sangue e as crianças da escola achavam muito engraçado os desafinos corporais que as perguntas lhe causavam. Era uma espécie de violeiro louco e sem talento. Dm7

A vida ia e também tentou cortar um dos pulsos certa manhã. O som da corda estourando acordou mamãe. Ainda havia tempo para o menino. Nesse mesmo dia - o menino não sabia que os suicidas consagrados preferiram a noite - choveu tanto que se fazia ouvir a chuva como se fosse encomendada para o menino aprender a ouvir e afinar-se. Bbm6


A cada gota que batia simultaneamente com outras mil no telhado e no quintal de terra, o menino aprendia a pulsar. Essa era a invisível radiação musical com efeitos diferentes de todos os males das terapias a laser. Três dias depois compôs sua primeira sinfonia cardíaca e morreu sem nota. E7



.r

Um comentário: